ff

terça-feira, 10 de julho de 2012

Artesanato e Manufatura

A primeira forma de produzir objetos para uso pessoal e para trocar ou vender em feiras e mercados foi o artesanato. É um modo de produção individual, ou organizado em Dequenos grupos, que não utiliza máquinas, apenas ferramentas. No artesanato, cada pessoa é responsável por todas — ou quase todas — as etapas da produção; às vezes, uma ou outra tarefa é dividida com ajudantes. Por exemplo: na confecção de um sapato, o artesão desenha o calçado, corta o couro, faz a sola e o cadarço, costura e pinta, ou seja, concebe e faz o sapato praticamente sozinho.

Você já teve oportunidade de ver um artesão trabalhando? Ainda hoje é comum encontrá-los produzindo bijuterias, peças de cerâmica, palha, couro, entre outros produtos, e vendendo-as em feiras de arte, de artesanato, na praia etc.

Embora essa forma de produção esteja presente na história desde que os seres humanos começaram a lascar pedras para produzir as primeiras ferramentas, foi durante a Idade Média (séculos V a XV) que ela adquiriu maior importância. No início, o trabalho do artesão come-
çava no campo por exemplo,criando e tosquiando ovelhas para depois fiar, tecer e costurar ou cortando árvores para produzir móveis.

O artesanato continua existindo mesmo nos países mais industrializados e, muitas vezes, é valorizado pela exclusividade de suas peças. Mercados e feiras de artesanato costumam atrair muitos turistas.

 Por volta do século XIV em alguns centros urbanos da Itália, em Flandres e na Inglaterra, a produção de mercadorias passou a realizar-se nas manufaturas. Assim como no artesanato, nas manufaturas também não se utilizam máquinas, apenas ferramentas.

Mas nessa forma de produção, cada operação é realizada por um trabalhador. No caso: da produção de sapatos, por exemplo, um trabalhador desenha o modelo, outro corta o couro, mas um costura, o outro pinta etc. Assim, com as manufaturas surgiu a divisão do trabalho.

A divisão do trabalho provocou um aumento no volume de mercadorias produzido  em razão, basicamente, de três fatores:

- por realizar uma única tarefa, o trabalhador tornava-se mais ágil no que fazia;

- o trabalhador não perdia tempo passando de uma tarefa para outra;

 - houve incentivo para a criação de ferramentas mais adequadas para cada etapa do trabalh

A partir do século XVIII, com a invenção de máquinas (a vapor, hidráulicas, elétricas mais recentemente, eletrônicas), os sistemas de produção artesanal e manufatureiro ficaram restritos às regiões menos desenvolvidas. Passou a predominar o sistema industrial de produção de mercadorias, em que a produção é feita em grande escala e cada trabalhador é responsável por uma pequena parte do processo de fabricação de um produto.




15 comentários:

  1. essa folhas caindo me tira do serio totalmente.

    ResponderExcluir
  2. escreveram "Dequenos" o certo é "Pequenos".

    ResponderExcluir
  3. Ola, gostaria de saber como colocou essas folhas caindo, achei muito interessante(apesar de tirar a atenção).Olhei o seu código fonte mas não tive a sorte de encontra-lo por favor se puder me dizer como funciona agradeço.

    ResponderExcluir
  4. Ola, gostaria de saber como colocou essas folhas caindo, achei muito interessante(apesar de tirar a atenção).Olhei o seu código fonte mas não tive a sorte de encontra-lo por favor se puder me dizer como funciona agradeço.

    ResponderExcluir
  5. Adorei seu Blog, mas precisa corrigir algumas palavras!☺♥

    ResponderExcluir
  6. Adorei seu Blog, mas precisa corrigir algumas palavras!☺♥

    ResponderExcluir